Nos cinemas

by - dezembro 08, 2016

Cantar
Num mundo como o nosso, mas totalmente habitado por animais, este filme acompanha a vida de Buster Moon, um ativo Coala que preside um, outrora grande, teatro que caiu em decadência. Buster é um eterno otimista – ok, talvez um pouco malandro – que a adora o seu teatro acima de tudo e que fará tudo para o preservar. Agora enfrentando o desmoronamento da ambição da sua vida, tem uma última hipótese de restaurar a joia desvanecida às glórias do passado, ao produzir a maior competição de canto do mundo. Emergem assim cinco participantes: Um rato que canta tão bem como engana, uma tímida jovem elefante com umenorme receio do palco, uma sobrecarregada mãe de uma ninhada de 25 leitões, um jovem gangster gorila que sequer afastar dos crimes da família e uma porco-espinho punk-rock que luta por se ver livre do namorado arrogante e começar a cantar a solo. Cada animal apresenta-se a Buster acreditando que será esta a sua oportunidade de mudar o curso da vida.
A mãe é que sabe
A família de Ana Luísa reúne-se em casa para festejar o aniversário do pai. Enquanto os convidados se sentam à volta da mesa vão partilhando pequenas recordações sobre o passado, em que todas têm um denominador comum: a falecida Josefa, mãe de Ana Luísa. Ao ouvir as histórias, Ana Luísa apercebe-se do impacto que a sua falecida mãe teve sobre as suas escolhas de vida e imagina o que teria acontecido se tivesse seguido outros caminhos, tomado outras opções e dito o que ficou por dizer. Ao mesmo tempo, um evento astrofísico de origem desconhecida provoca a alteração do espaço-tempo, permitindo a algumas pessoas, um pouco por todo o mundo, acederem a universos paralelos. Ana Luísa é uma delas, e terá, assim, a oportunidade de alterar todo o seu passado. Só que para isso terá de abdicar de todo o seu presente…
Lion, A longa estrada para casa
Saroo, de cinco anos de idade, perde-se num comboio que se afasta de casa e da família. Assustado e desnorteado, acaba a milhares de quilómetros de distância, na caótica Calcutá, na Índia. Por milagre, ele sobrevive a viver pelas ruas e acaba por ser adotado por um casal australiano, reencontrando o amor e a segurança. Anos mais tarde, um encontro casual com uma comunidade indiana reaviva todo o seu anseio. Com apenas algumas mas bem vivas memórias, e a ajuda da nova tecnologia chamada Google Earth, Saroo embarca na maior missão da sua existência
Tudo para ser feliz
Antoine (Manu Payet), quarentão, pretensioso, egoísta e cronicamente insatisfeito, dá como garantido o seu casamento de 10 anos com Alice (Audrey Lamy) e nunca sentiu necessidade de cuidar das suas filhas de 5 e 9 anos. Até ao dia em que Alice pede o divórcio e deixa as filhas ao seu cuidado por duas semanas. Antoine vai-se encontrar em território desconhecido.


You May Also Like

0 comentários

Instagram